Primeiros caminhões de frota 100% elétrica para coleta de lixo chegam ao Brasil



A empresa Corpus Saneamento e Obras encomendou 200 caminhões BYD eT8a para compor uma frota de coleta e transporte de resíduos 100% movida a eletricidade. Segundo a fabricante, os novos caminhões além da emissão zero e terem todos os aspectos de veículos elétricos, como manutenção simples e serem mais silenciosos, utilizam como fonte de energia a tecnologia de Fosfato de Ferro Lítio (reciclável e com vida útil de até 30 anos). O PBT técnico é de 21 toneladas na versão 4×2 e tem autonomia estimada de oito horas de operação por recarga (cerca de 200 quilômetros).

O gerente de manutenção de frota da Corpus, Charles Fioravante, explica que antes de entrar em operação, os novos caminhões passarão por uma revisão de entrega e receberão o compactador de resíduos com sistema eletro-hidráulico, desenvolvido em parceria com a Danfoss. “Esse sistema substitui as tradicionais alavancas e garante maior eficiência energética e redução do nível de ruído no funcionamento do equipamento”, afirma Charles.

Os caminhões BYD contam também com sistema KERS de recuperação de energia elétrica pela energia cinética obtida no uso dos freios e “one pedal drive”, que permite ao motorista conduzir o caminhão somente com o acelerador em 90% do percurso. A fabricante detalha que nas frequentes reduções de velocidade, o freio-motor provocado nas desacelerações contribui para o acúmulo de energia do conjunto de baterias, ampliando a autonomia do veículo.

Ainda segundo Charles Fioravante, graças à emissão zero de poluentes pelos novos caminhões elétricos, a empresa deixará de emitir aproximadamente 14 toneladas de CO² por mês em cada veículo – considerando que a combustão de um litro de diesel produz aproximadamente 4 kg de CO², o consumo de um caminhão é de aproximadamente 10 litros por hora e este veículo trabalha aproximadamente 360 horas por mês. “Passamos a gerar maior conforto aos colaboradores e à comunidade, pela melhor dirigibilidade, segurança e baixo nível de ruídos (menor estresse). O desempenho é bem superior em todas as condições de operação, chegando a ser sete vezes mais eficiente”, enfatiza.

Os seis caminhões que desembarcaram no Brasil fazem parte do primeiro lote de 21 unidades encomendado pela Corpus e devem começar a rodar em setembro. Segundo o diretor de vendas da BYD do Brasil, Carlos Roma, “o eT8a é o caminhão de lixo mais silencioso e confortável do mercado, garantindo o bem-estar e a satisfação da população. Diferente dos caminhões movidos a diesel, sua transmissão está diretamente ligada ao motor, sem embreagem. Para facilitar as partidas nas mais íngremes rampas, possui torque máximo de 1.500 Nm a partir de zero rpm, o maior da categoria, uma revolução em relação aos convencionais, que possuem menos torque e somente a rotações bem mais elevadas”.