Pirelli disponibiliza pneus para esportivos clássicos da Porsche



A Pirelli disponibiliza a linha de pneus Collezione para os modelos da Porsche produzidos de 1987 a 2004. Os componentes que são originais, estão disponíveis para o modelo 356 (mais precisamente os das séries B e C, fabricados entre 1959 e 1964), para as primeiras gerações do 911 (901, G, 964, 993 e 996), para os esportivos com motor dianteiro (924, 944, 968 e 928) e para modelos de motor central como o 914 e o Boxster da primeira geração (“986”, de 1997 a 2004).

A fabricante explica que a lista de pneus aprovados para carros clássicos é definida depois de testes feitos durante várias semanas pela Porsche. Para realizar esses testes estão dois pilotos de testes da fábrica: Walter Rohrl, ex-campeão mundial de rali (1980 e 1982), e Dieter Röscheisen, especialista em pneus.

Nos testes de pista mais recentes, foram usados carros como um 356, um 911 Carrera, um 911 Turbo (ambos da geração “G”, de 1974 a 1989) e um Boxster. Segundo Rohrl, “as propriedades de condução nos primeiros anos não eram tão completas ou equilibradas como são hoje. A nova geração de pneus é mais adequada do que nunca para o estilo de condução de um carro esporte desafiador”. Roscheisen completa: “Os novos pneus tornam possível a modelos clássicos usufruir de propriedades de condução excepcionalmente boas e equilibradas”.

As aprovações também são atualizadas a cada dois anos e documentadas pela marca “N” na lateral do pneu. Há décadas, os pneus desenvolvidos para a Porsche tem a marca “N” no flanco, sempre em combinação com um número (N0, N1, N2 etc.). O número após o “N” é usado para diferenciar as séries de aprovação. Exemplo: a primeira versão de um pneu com a dimensão 195/65 R 15 foi aprovada com a marca N0 para os 911 Carrera na década de 1970. Quando uma nova série é projetada e aprovada para produção como peça de reposição, o pneu recebe o próximo número superior (neste caso, 1) para diferenciá-lo da série anterior.